Resultado de imagem para leticia daniela datena

Ex-assistente de palco de José Luiz DatenaLetícia Daniela, por meio de sua assessoria, resolveu se manifestar sobre as acusações de assédio que o apresentador vem enfrentando.

De acordo com a loira, durante todo o período em que trabalhou com o jornalista no extinto “Agora É com Datena“, ela nunca foi desrespeitada por ele. Aliás, muito pelo contrário. Letícia garante que Datena sempre se mostrou muito gentil e educado.

“Ele sempre me respeitou, sempre foi muito educado comigo. Claro que às vezes ele elogiava a gente, principalmente ao vivo durante o programa, mas eu nunca vi isso como assédio”, conta. Devido à experiência positiva com o comunicador, ela revela ter ficado surpresa ao tomar conhecimento das acusações de assédio contra o ex-patrão.

“Tem pessoas e pessoas, e é preciso separar o subjetivo da realidade. Me surpreendi com a notícia e ando recebendo mensagens de muitas pessoas perguntando se também fui assediada por ele, mas eu nunca fui. Sobre esse caso da Bruna, eu não tenho nada pra falar porque nunca aconteceu nada disso na minha presença e eu posso somente falar de mim”, disse.

Bruna Drews volta a falar sobre denúncia de assédio contra Datena

Após toda a polêmica envolvendo o apresentador José Luiz Datena e Bruna Drews, ex-repórter do “Brasil Urgente”, da Band, a moça resolveu se pronunciar mais uma vez. Trata-se de uma denúncia por assédio sexual.

Tudo aconteceu no meio do ano passado, em 2018, enquanto Bruna e a equipe do programa estavam reunidos na mesa de um restaurante em uma confraternização. Em um determinado momento, Datena teria comentado sobre a beleza da repórter, dizendo também que já havia se masturbado algumas vezes pensando nela.

Além disso, o apresentador teria falado também que era um “desperdício” o fato de Bruna namorar uma mulher. Na manhã desta segunda-feira (21), a ex-repórter do policialesco fez uma publicação no Instagram de uma imagem em que dizia não querer nem um real do acusado. Datena nega o assédio e o processo corre em segredo de justiça.

Por: Álvaro Penerotii