Rede Record é condenada a indenizar modelo que teve cabelo queimado em programa


Foto: Reprodução

Segundo informações do Jornal do Brasil, o incidente aconteceu após uma profissional tentar fazer cachos no cabelo da modelo identificada apenas como N.L.S.A. “É necessário que a autora, por trabalhar como modelo, tenha sua imagem preservada, sendo esta um dos principais requisitos da sua profissão”, explicou o juiz Gustavo Coube de Carvalho durante a sentença, que afirmou também que o acidente ocorreu pelo fato do aparelho que foi usado ter excedido no tempo necessário para o uso, o que fez cair partes do cabelo.

“Logo, o pedido de reparação por dano moral deve ser atendido, e para tanto fixo o valor de R$ 10 mil, que reputo adequado às circunstâncias subjetivas e objetivas do caso, considerando, de um lado, a reprovabilidade da conduta da ré, e de outro as graves consequências do fato para a autora, que depende de sua imagem para trabalhar”, completou o juiz.

A Rede Record não se pronunciou sobre o assunto. Vale ressaltar que a emissora ainda pode recorrer da sentença.

Deixe um comentário | Siga o @tvibopenoticias

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s