Após anos de ‘esbanjamento’, Record segue cortando despesas


Record: novos tempos

A Record está introduzindo fortes medidas de ‘contenção de gastos’ em seus mais diversos setores.

Além de promover demissões, cerca de 300 nos últimos meses, a emissora está implantando mudanças de filosofias, tais como a adoção de altíssimos salários e contratos de longo prazo.

A dramaturgia tem sido, até agora, o setor mais afetado, mas não deve ser o único a sofrer as consequências dos novos tempos.

De acordo com o colunista Flávio Ricco (UOL), o Jornalismo e o Esporte também devem ser ‘enxugados’. A principal medida deve ser a de não renovar contratos que estão prestes a vencer. Além disso, os que ‘conquistarem’ a renovação, deverão ter seus salários reduzidos.

Desde 2004, quando começou a trilhar o “caminho da liderança”, a Record adquiriu o passe de diversos profissionais da Globo sob a premissa de pagar salários bem maiores do que os oferecidos pela emissora carioca. A ordem agoral é restabelecer o equilíbrio perdido durante os anos de crescimento da rede.

Procurada, a emissora não se manifestou sobre o assunto até o fechamento desta matéria.

Deixe um comentário | Siga o @tvibopenoticias

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s